PSPE
PSPE
03 Out
Alterações climáticas: Carlos Zorrinho defende o acordo de Paris e o combate à visão retrógrada da administração americana

Alterações climáticas: Carlos Zorrinho defende o acordo de Paris e o combate à visão retrógrada da administração americana

“As alterações climáticas estão a destruir o planeta e a afetar as populações, em particular as mais vulneráveis economicamente. É preciso agir já e agora, pôr em prática o acordo de Paris em todas as políticas e combater a visão retrógrada da administração americana”, defendeu Carlos Zorrinho, em Estrasburgo, ao intervir no ponto da ordem de trabalhos relativo à próxima Conferência das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas (COP23), que terá lugar em Bona, na Alemanha, de 16 a 17 de Novembro.

 

De acordo com o deputado, “as alterações climáticas são um dos mais importantes desafios que a humanidade enfrenta, o seu impacto já não é um prognóstico, é algo que os povos em todo o planeta sofrem quotidianamente”, pelo que recomendou o aproveitamento da transição energética e digital “para criar novas oportunidades de crescimento sustentável, emprego com qualidade, combate às desigualdades e melhoria das condições de vida.”

 

“Não devemos hesitar em assumir a liderança na defesa do acordo de Paris, de modo a assegurar o futuro, tanto do ambiente, como das nossas indústrias", sustentou Carlos Zorrinho. O deputado mostrou-se também favorável ao reforço “das parcerias existentes" e "procura de novas alianças económicas, políticas e de investigação e desenvolvimento."

 
 
 

Inscreva-se e receba notícias dos Socialistas Portugueses no Parlamento Europeu